Cabelo trançado - Acabando com o frizz

Oi gente, no vídeo de hoje eu mostro como acabar com o frizz nos cabelos trançados.

Assistam, espero que gostem

Bjos
LEIA MAIS

E ainda temos Blackface

Oi gente, essa semana a vlogueira Renata Meins  postou uma foto no seu instagram, nada anormal se a legenda da foto não fosse Neguinha do Paraguay e ela não estivesse fazendo blackface.
Renata usa o humor para entreter seus fãs e pra isso cria alguns personagens, e “pensou” que seria engraçado ter também um personagem negro, com cabelo black power, maquiagem mal feita, quem sabe até falar errado, ser vulgar, típica visão da mulher negra que pessoas como a Renata possuem.
O que passou pela cabeça dela para fazer uma idiotice dessas, sua brincadeira de “neguinha do paraguay” não ficou legal, várias pessoas indignadas, assim como eu, foram até seu instagram para informá-la que Blackface é uma grande ofensa. Renata por sua vez bloqueou todos os que estão contrários a sua mancada e se justificou dizendo que é negra é tem o cabelo afro (ok miga) e por isso não foi racista e pede desculpas ao “movimento Blackface que nunca ouviu falar”, leiam:


O Blackface começou quando alguns homens brancos por volta de 1840 se caracterizavam de homens negros escravos em palcos, nos chamados shows dos menestréis, eles pintavam o rosto de preto e as bocas de vermelho, colocavam cabelo crespo, falavam errado, pois era assim que eles enxergavam os negros naquela época, por isso Blackface não é um movimento e sim uma ofensa das mais nojentas.
Várias outras  blogueiras e artistas  já fizeram Blackface, e tragicamente pensam estar homenageando os negros. (ou talvez só quisessem ofender mesmo né, vai saber?)

Juliana Goes ex BBB

imagem de internet

Kefera blogueira

Panico na TV

Zorra total


Como isso pode ser homenagem, colocar uma roupa ridícula, uma maquiagem mal feita, falar errado e homenagear alguém? Quando saio na rua não vejo mulheres negras vestidas assim, eu não sou assim, somos mulheres lindas, empoderadas, que amam se cuidar, que tem uma pele divina, que estudam, trabalham e que merecem ser respeitadas do mesmo jeito que vocês respeitam as mulheres brancas. Nunca vi nenhuma de vocês ridicularizando as mulheres brancas, mas quando se trata das negras vocês caem matando, por isso, Renata e demais blogueiras do universo, nós não somos fantasia para vocês ridicularizarem, mais respeito por favor. Se as leis do nosso país fossem mais serias e punissem pessoas racistas como vocês, eu certamente moveria um processo, mas sabemos como funciona, porém não se esqueçam nós também temos voz e costumamos não nos calar.
bjos
LEIA MAIS
Topo